Paysandu pressiona, bate Ceará e deixa zona da degola

Gol da vitória veio apenas aos 39 minutos do segundo tempo

AE, Agência Estado

10 de setembro de 2013 | 21h25

BELÉM - O Paysandu foi valente nesta terça-feira, quando venceu o Ceará por 2 a 1, no estádio da Curuzu, em Belém, pela 21.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O gol da vitória aconteceu apenas aos 39 minutos do segundo tempo. Com o resultado, chegou aos 23 pontos e assumiu a 16.ª posição - uma acima da zona de rebaixamento. Já o time cearense permaneceu com 26 e caiu para o 13.º lugar. Curiosidade à parte, completou nesta terça um ano sem vitória fora de casa.

O primeiro tempo teve poucos lances de perigo, mas ainda assim o time paraense conseguiu vantagem no placar. Logo aos 9 minutos, Eduardo Ramos arriscou de fora da área, o goleiro Fernando Henrique falhou e a bola foi parar nas redes.

Na segunda etapa, o Ceará melhorou e chegou ao empate aos 21 minutos. Léo Gamalho recebeu dentro da área e chutou em cima do marcador. Na sobra, a bola resvalou nas costas do meia Ricardinho e entrou.

A partida seguiu equilibrada, mas agora com o Paysandu tocando mais a bola e apostando em jogadas aéreas. Antes do apito final, o atacante Heliton fez boa jogada individual e bateu cruzado, sem chances para Fernando Henrique.

Pela 22.ª rodada, o Paysandu volta a campo no sábado contra o América-RN, às 21 horas, no estádio Nazarenão, em Goianinha (RN). Já o Ceará, no mesmo dia, enfrenta o ABC, às 16h20, na Arena Castelão, em Fortaleza.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU 2 x 1 CEARÁ

PAYSANDU - Paulo Rafael; Yago Pikachu, Leonardo Dagostini, Pablo e Gilton; Vanderson, Zé Antônio, Jaílton e Eduardo Ramos; Iarley (Djalma) e Aleílson (Heliton). Técnico: Arturzinho.

CEARÁ - Fernando Henrique; Marcos, Diego Ivo, Potiguar (Douglas) e Helder; Diogo Orlando, Ricardinho, Lulinha (Léo Gamalho) e Rogerinho; Mota e Magno Alves. Técnico: Sérgio Soares.

GOLS - Eduardo Ramos, aos 9 minutos do primeiro tempo; Ricardinho, aos 21, e Heliton, aos 39 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Ricardinho (Paysandu); Diogo Orlando, Potiguar e Diego Ivo (Ceará).

ÁRBITRO - Ronan Marques da Rosa (SC).

RENDA - R$ 186.430,00.

PÚBLICO - 9.344 pagantes.

LOCAL - Estádio da Curuzu, em Belém (PA).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BPaysanduCeará

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.