PC muda esquema tático do Botafogo

O técnico Paulo César Gusmão vai mudar o esquema tático do Botafogo, líder do Campeonato Brasileiro, para o confronto de domingo contra o Figueirense, no Estádio Luso-Brasileiro. Irritado com a pouca produtividade do Alvinegro no primeiro tempo das oito rodadas do Nacional - marcou 11 de seus 13 gols na etapa final -, o treinador optou por escalar a equipe com três zagueiros, em vez de dois, cinco jogadores no meio-de-campo e dois atacantes. O esquema 3-5-2, inclusive, foi testado no segundo tempo do jogo contra o São Paulo, no domingo, e agradou ao treinador. "Mesmo na liderança do Brasileiro, o time tem feito poucas jogadas pelos lados do campo. No 4-4-2, os laterais ficam preso na marcação", explicou PC Gusmão, que exige mais criatividade dos jogadores de meio-de-campo. A dupla de ataque titular, por exemplo, só fez cinco gols no Brasileiro, sendo que Caio não totalizou nenhum gol e Alex Alves marcou todos em cobranças de pênaltis. "A equipe vai ficar mais bem distribuída e a bola vai chegar com mais facilidade", disse o técnico do Botafogo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.