Sérgio Neves/Estadão
Sérgio Neves/Estadão

Pedrinho destaca evolução nas finalizações: 'Só os dribles não adiantam'

Atacante marcou o gol da vitória corintiana sobre o São Paulo, em casa, por 1 a 0

Raphael Ramos, O Estado de S.Paulo

27 de maio de 2019 | 11h00

Pedrinho se despediu do Corinthians em grande estilo antes de se apresentar à seleção brasileira sub-23 para a disputa do Torneio de Toulon. Foi dele o gol da vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo, domingo, em Itaquera, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

“Muitas vezes só os dribles não adiantam. Estou tentando ser mais ambicioso. Fico feliz de evoluir nas finalizações e fazer mais gols”, disse o jogador.

Além de Pedrinho, o meia Mateus Vital foi convocado e desfalcará o Corinthians até a parada do Campeonato Brasileiro para a disputa da Copa América. Até lá, o time também tem jogos decisivos pela Copa Sul-Americana (diante do Deportivo Lara) e na Copa do Brasil (contra o Flamengo).

Segundo Pedrinho, a diretoria do Corinthians chegou a discutir a possibilidade de pedir a sua liberação da seleção, mas o clube entendeu que seria importante para o seu amadurecimento jogar na seleção. Pedrinho vive grande fase e é o artilheiro do Corinthians no Campeonato Brasileiro, com três gols em cinco jogos.

Mais forte fisicamente, Pedrinho também tem ajudado a equipe na marcação. "Nos últimos jogos tenho tentado ajudar defensivamente e evoluído bastante nessa parte", analisou.

Depois de amargar a reserva, ele virou titular absoluto da equipe. Durante o período em que o jogador estiver com a seleção brasileira sub-23, Jadson está entre os jogadores mais cotados para assumir a sua vaga. "Infelizmente vou ter uma pausa aqui no Corinthians, mas vou torcer para os meus companheiros. Tenho certeza que quem entrar var dar conta do recado", disse Pedrinho.

Tudo o que sabemos sobre:
PedrinhoCorinthiansfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.