Pedrinho lidera Palmeiras contra Londrina

Com Pedrinho no meio-de-campo e Correia, o Palmeiras vai lutar pela liderança da Série B do Campeonato Brasileiro enfrentando o Londrina, neste sábado, às 18 horas, no Palestra Itália. Com 23 pontos, o time comandado por Jair Picerni, que não perde há nove jogos, está a apenas um ponto do Botafogo, o primeiro colocado. O time titular palmeirense virá com algumas modificações em relação ao que venceu o Anapolina por 2 a 1 na semana passada. A principal será a presença de Pedrinho no lugar de Diego Souza. Será a volta do meia à equipe principal desde a partida contra o Criciúma, dia 26 de março. Pedrinho sabe que terá mais dificuldades do que no jogo em Anápolis, quando marcou o gol da vitória. ?Aqui os adversários vêm fechados e só atuam no contra-ataque. O jeito é aprender a jogar assim?, conforma-se. ?Só não dá para esperar os últimos 15 minutos do segundo tempo para ir para cima.? O jogador confirmou contatos recebidos de empresários tentando levá-lo para o Grêmio, mas descartou a possibilidade de se transferir. ?Mas já avisei que não tenho interesse em sair porque tenho a intenção de conquistar espaço no Palmeiras e retribuir o carinho que recebi da torcida?, disse o jogador, grato aos mais de 1.600 e-mails que recebeu, reunidos pela Torcida Mancha Alviverde enquanto se recuperava de uma cirurgia no joelho e de problemas de depressão. Correia ou Correa? ? Depois da saída inesperada de Alessandro para o futebol ucraniano segunda-feira, o volante Correia ganhou vaga na lateral. ?Já não considero a presença dele na lateral uma improvisação?, disse Picerni. Correia, conhecido por sua versatilidade, se diz pronto para o desafio de mudar de posição. ?O Jair já estava me avisando sobre isso?, conta o jogador, que pediu para mudar a grafia do seu nome. ?Na certidão é Correa, sem acento mesmo, mas eu prefiro Correia.? A outra mudança está no ataque, onde Anselmo assume o lugar de Thiago Gentil, suspenso.

Agencia Estado,

18 de julho de 2003 | 19h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.