Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Amanda Perobelli/Estadão
Amanda Perobelli/Estadão

Pedrinho vê comemoração de Nenê como 'coisa do jogo'

Atacante minimiza provocação do rival e Mateus Vital diz que houve desrespeito

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

26 de março de 2018 | 18h18

A comemoração de Nenê no clássico em que o São Paulo derrotou o Corinthians no último domingo, por 1 a 0, ainda gera discussão entre os corintianos. O garoto Pedrinho falou do assunto nesta segunda-feira e minimizou a polêmica, que causou irritação entre os membros da comissão técnica, principalmente em Fábio Carille, e também nos atletas alvinegros. 

+ Jadson está fora e Rodriguinho é dúvida para o clássico

+ Carille quebra a cabeça para armar Corinthians que irá à 'guerra'

"Acho que é uma provocação que faz parte do jogo. Antigamente não davam muita importância para isso e hoje já dão mais. Muitas vezes é chato, é como se fosse um deboche, mas entendemos e acho que isso faz parte", disse Pedrinho, que participou nessa segunda-feira de uma entrega de ovos de Páscoa para crianças, no Parque São Jorge. 

O garoto continuou. "O Nenê teve uma discussão breve com o Carille. Depois que fez o gol, eu acho que ele fez alguma coisa em direção ao Carille. Querendo ou não é um desrespeito, mas sabemos que provocação faz parte do jogo", completou.

Já Vital acredita que houve exagero por parte do são-paulino e que o ideal seria que ele comemorasse junto de seus torcedores. "Achei que foi uma atitude desnecessária. Quando você faz um gol, o gostoso é ir comemorar com a sua torcida e seus companheiros. Acho que a atitude precisa ser revista por ele mesmo, mas creio que foi algo desnecessário", disse o meia, que trabalhou com Nenê no ano passado, no Vasco.

Com a derrota por 1 a 0, o Corinthians precisa vencer por dois gols de diferença para se garantir na final do Paulistão. Caso vença por um gol, a decisão vai para os pênaltis. O vencedor enfrenta o classificado do duelo entre Palmeiras x Santos, que jogam na terça-feira, no Pacaembu. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.