Mailson Santana/Fluminense Fc.
Mailson Santana/Fluminense Fc.

Pedro agradece elogios de Abel e espera se firmar no Fluminense

Garoto revelado na base ganhou espaço depois que Henrique Dourado pediu para não atuar mais pelo clube

Estadão Conteúdo

29 Janeiro 2018 | 18h10

O triunfo do Fluminense por 2 a 1 sobre Madureira, no último domingo, foi especial para Pedro. O atacante, que assumiu a titularidade com a decisão de Henrique Dourado de não atuar mais pelo clube, marcou o gol da vitória que manteve o time vivo na Taça Guanabara e ainda recebeu elogios do técnico Abel Braga, com a avaliação de que ele é melhor do que 90% dos atacantes do futebol brasileiro. Nesta segunda-feira, então, ele agradeceu o apoio e carinho do treinador.

+ Abel aponta evolução e time 'mais leve' antes de estreia na Copa do Brasil

"É um honra ser elogiado pelo Abel, que é como um pai para todos aqui no clube. Um cara que está há muito tempo no futebol, conheceu muitos atacantes do mundo todo. Acho que nós todos sempre vamos querer vencer e batalhar por ele, que mostrou ser um grande homem dentro e fora de campo. Agradeço a ele por esse elogio", declarou.

Pedro está em seu terceiro ano como profissional no Fluminense, mas é em 2018 que ele, de fato, conquistou o seu espaço. Satisfeito com o momento vivido, o atacante espera aproveitar esse momento para se firmar de vez entre os titulares.

"Estou desde a base no Flu, cheguei com 16 anos. Esse é meu terceiro ano no profissional, o primeiro como titular. Todo jogador sonha em ser titular de uma grande equipe e comigo não é diferente. Vou agarrar essa oportunidade", acrescentou.

O triunfo do Fluminense no domingo foi o primeiro após quatro jogos na Taça Guanabara, deixando a equipe em quarto lugar no Grupo C, com cinco pontos, e ainda com chances de avançar às semifinais. E Pedro avalia que a equipe está em evolução.

"Acho que foi um bom jogo. Terceiro jogo dessa equipe junta, tem muito para melhorar ainda. Depois do treinamento, sempre procuro treinar cruzamento e cabeceio. Graças a Deus deu resultado. Acho que quem treina, mostra no jogo e procuro melhorar sempre essa parte", afirmou.

O Fluminense volta a campo nesta quarta-feira, quando vai estrear na Copa do Brasil, diante da Caldense, em Poços de Caldas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.