Pekerman já vive dilema na Argentina

O técnico José Pekerman teve uma excelente estréia no comando da seleção argentina, na vitória por 4 a 2 sobre o Uruguai, sábado, em Buenos Aires. Mas o substituto de Marcelo Bielsa já vive um dilema, justamente por causa da atuação na última partida: Que time escalar contra o Chile, quarta-feira, em Santiago?Como a equipe foi tão bem contra o Uruguai, a tendência seria manter os 11 titulares. Mas jogadores como Tévez, Mascherano e D?Alessandro, todos campeões olímpicos em Atenas, cumpriram suspensão nas Eliminatórias e já podem voltar à seleção argentina.Normalmente, Tévez, Mascherano e D?Alessandro entrariam nos lugares de Figueroa, Cambiasso e Riquelme. O problema é que Figueroa marcou 2 gols contra o Uruguai, Cambiasso protegeu muito bem a defesa e Riquelme foi o grande condutor do time.Diante desse dilema, Pekerman optou pelo mistério. O técnico não dá dicas se irá ou não mexer na equipe titular para o jogo em Santiago, no Chile. A única certeza é que a Argentina promete seguir pressionando o Brasil pela liderança das Eliminatórias para a Copa de 2006 - a diferença entre os dois é de apenas 1 ponto.

Agencia Estado,

11 de outubro de 2004 | 13h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.