Pena substitui Abel no Atlético-MG

O Atlético Mineiro ainda não contratou o substituto de Abel Braga, demitido quinta-feira. Assim, o coordenador das divisões de base do clube, José Maria Pena, ex-lateral reserva do Atlético Mineiro, na conquista do Campeonato Brasileiro de 1971, ganha sua primeira chance como treinador do time principal. Em 1999, quando o Atlético chegou à final do Brasileiro, contra o Corinthians, Pena foi auxiliar-técnico do também ex-atleta atleticano Humberto Ramos, que assumiu o comando do time na reta final da competição. A desclassificação da Copa do Brasil, no empate de 2 a 2 com o Goiás, motivou a direção do Atlético-MG a dispensar não só Abel, como também o vice-presidente Sérgio Coelho e o gerente de futebol Anísio Clemente, que havia sido contratado no mês passado. Braga disse que previa sua demissão, já que o presidente do Atlético, Nélio Brant, que o contratou, licenciou-se do clube no início da semana e foi substituído por Ricardo Guiamarães. "Era natural que a nova diretoria fosse fazer mudanças", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.