Pepe Reina deixa o Bayern e acerta o seu retorno ao Napoli

O goleiro Pepe Reina está de volta ao Napoli. Nesta terça-feira, o clube italiano oficializou a contratação do jogador espanhol, que estava no Bayern de Munique, mas acertou a sua saída do clube alemão, pois pretende atuar por mais tempo na próxima temporada do futebol europeu.

Estadão Conteúdo

23 de junho de 2015 | 13h29

Reina foi aprovado nos exames médicos e teve a contratação anunciada pelo presidente do Napoli, Aurelio de Laurentiis, em seu perfil no Twitter. "Bem-vindo de volta Pepe Reina", saudou o presidente através da rede de microblogs.

O espanhol defendeu o Napoli na temporada 2013/2014, cedido por empréstimo pelo Liverpool, que depois vendeu o goleiro ao Bayern de Munique. No clube alemão, porém, Reina sempre foi reserva de Manuel Neuer. E recentemente a equipe se reforçou com o também goleiro Sven Ulreich, do Stuttgart.

Assim, o Bayern aceitou o pedido de Reina para liberá-lo. "Pepe Reina nos pediu para liberá-lo de seu contrato, porque ele tem uma chance de jogar como goleiro titular no Napoli", explicou o vice-presidente do Bayern, Jan-Christian

Dreesen.

A chegada de Reina deve aumentar a disputa pela titularidade da meta do Napoli, que já contava com o goleiro brasileiro Rafael e o argentino Mariano Andujar à disposição de Maurizio Sarri, contratado para o lugar de Rafa Benítez, que trocou o comando do clube italiano pelo Real Madrid.

Hoje com 32 anos, Reina iniciou a sua carreira no Barcelona e também defendeu o Villarreal na Espanha antes de se transferir para o Liverpool, clube que defendeu entre 2005 e 2014, antecedendo as suas passagens por Napoli e Bayern. O goleiro fez parte dos grupos da seleção espanhola que conquistou os títulos da Eurocopa de 2008 e 2012 e da Copa do Mundo de 2010.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.