Péricles Chamusca é demitido por lanterna no Japonês

O brasileiro Péricles Chamusca não resistiu à péssima campanha do Oita Trinita no Campeonato Japonês. Nesta terça-feira, a direção da equipe anunciou a saída do treinador, que será substituído pelo austríaco Ranko Popovic.

Agencia Estado

14 de julho de 2009 | 09h04

Chamusca, de 42 anos, estava no Oita desde 2005, depois de passagens por Goiás e Botafogo naquela temporada. Nos quase quatro anos no cargo, ele levou o clube japonês a seu primeiro título nacional, a Copa Nabisco, em 2008. Também no ano passado, o brasileiro comandou a equipe na campanha do quarto lugar na J-League.

Nesta temporada, contudo, o Oita Trinita faz campanha sofrível, com apenas quatro pontos conquistados em 17 partidas - são uma vitória, um empate e 15 derrotas. O time está a 11 pontos do vice-lanterna Kashiwa Reysol.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.