Perin e Pescarmona se unem contra Paulo Nobre no Palmeiras

SÃO PAULO - Uma importante mudança na lista dos candidatos do Palmeiras para a eleição à presidência no dia 21 de janeiro do ano que vem será anunciada nos próximos dias. Os candidatos Décio Perin e Wlademir Pescarmona vão criar uma chapa única para enfrentar Paulo Nobre.

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

30 de novembro de 2012 | 08h00

Perin será o candidato à presidência e Pescarmona ficará como vice. Os dois juntos vão tentar derrotar Paulo Nobre, favorito a ser eleito na eleição em 2013. Quem também pode aparecer na briga pela eleição é Sérgio Moyses e Sérgio Pellegrini, que ainda não confirmaram se vão tentar ou não o pleito.

O presidente Arnaldo Tirone ainda não definiu se vai tentar a reeleição, mas a tendência é que não o faça. Recentemente, ele chegou a convidar quatro conselheiros para formar sua chapa na nova eleição, inclusive Moyses, mas todos recusaram o convite.

O anúncio oficial da união das chapas de Perin e Pescarmona será feita nos próximos dias. Chegou-se a cogitar a possibilidade de formar uma chapa única com Paulo Nobre como candidato, mas ele não se interessou.

Tudo o que sabemos sobre:
Palmeirasfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.