Khaled Desouki/AFP
Khaled Desouki/AFP

Perisic prega pés no chão da Croácia nas oitavas: 'Precisamos jogar muito melhor'

Croatas enfrentam a Dinamarca na próxima fase da Copa do Mundo

Estadão Conteúdo

26 Junho 2018 | 18h42

Com três vitórias em três jogos, a Croácia confirmou a liderança do Grupo D nesta terça-feira, em Rostov, ao bater a Islândia por 2 a 1. Apesar da classificação às oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia em campanha irreparável de nove pontos, o meia Ivan Perisic afirmou que a equipe vai precisar apresentar um melhor futebol para avançar às quartas contra a Dinamarca, neste domingo, às 15 horas (de Brasília), em Nijni Novgorod.

+ TEMPO REAL: Islândia 1 x 2 Croácia

+ Argentina bate a Nigéria com gol no fim e se classifica para as oitavas de final

Autor do gol do triunfo, aos 44 minutos do segundo tempo, o jogador da Internazionale pregou cautela em meio à euforia ao dizer que não gostou da atuação do time.

"Estou contente por marcar o gol, mas não é importante que o meu nome esteja no marcador, é importante que a Croácia ganhe e continue no Mundial. Não procuramos fazer o melhor em campo hoje, mas é importante ganhar mesmo nessas ocasiões. A Dinamarca é forte. Precisamos jogar muito melhor se quisermos ir às quartas de final", afirmou.

 

O volante Milan Badelj, que abriu o placar para a Croácia no início do segundo tempo e foi considerado o melhor do jogo, também festejou o objetivo alcançado de forma moderada, para manter o foco na sequência da competição.

"Estamos no topo do grupo e estamos prontos para competir na segunda fase da Copa do Mundo. Agora podemos nos concentrar nos preparativos para a fase eliminatória. Esta é uma grande vitória para a Croácia. Não há comemoração especial, vamos além, passo a passo no torneio", disse o jogador.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.