Peru busca reabilitação no Pré-Olímpico

O Peru, comandado pelo brasileiro Paulo Autuori, tem uma partida na qual estará em jogo a sua sobrevivência no grupo B do Torneio Pré-Olímpico do Chile. Depois do empate por 0 a 0 contra a Argentina e a derrota por 3 a 1 para a Colômbia, só resta ao time a opção de conquistar a vitória sobre o Equador, às 21 horas desta segunda-feira, em Coquimbo, para continuar com chances de passar à próxima fase. No outro jogo do dia, também pelo grupo B, a embalada Colômbia joga às 23h10 e pega a Bolívia, que graças aos próprios erros perdeu na estréia para a Argentina por 2 a 1 (gols de Juan Carlos para os bolivianos, Tevez e González para os argentinos). Com o resultado, o time de Marcelo Bielsa assumiu a liderança da chave e descansa nesta rodada. Neste domingo, Autuori ainda lamentava a derrota para os colombianos, com três gols de Sergio Herrera e um de Paolo Guerrero, depois de impor respeito com um empate diante da Argentina. ?Pagamos caro pelos nossos erros, uma série de desatenções na defesa que teremos de corrigir?, disse o treinador brasileiro. O técnico não descarta a possibilidade de fazer modificações na escalação do time. ?Teremos de fazer algo, mas qualquer decisão deve ser conhecida primeiro pelo time e não a imprensa?, afirmou. Além dos erros, Autuori criticou a postura do time. ?Não jogamos com alma, como no empate contra a Argentina. Precisamos de uma equipe de trabalhadores no campo e hoje fomos inocentes depois que marcamos o gol.? José Jacinto Vega, técnico do time do Equador, preferiu não opinar sobre o adversário. ?Só me preocupo com a minha equipe?, disse o treinador, cujo time começou com vitória sobre a Colômbia (1 a 0) na primeira rodada e folgou no sábado. No outro jogo da rodada, a Colômbia planeja manter sua recuperação na competição na partida contra uma combalida Bolívia, que poderia ter conseguido pelo menos um empate contra a Argentina não fossem alguns erros grosseiros. Por conta desta situação, os treinadores adotam discursos totalmente opostos. Para o técnico Jaime de la Pava, da equipe colombiana, o desempenho na vitória deve servir de referência nos próximos encontros. ?Queremos manter o jogo da Colômbia no segundo tempo contra o Peru. Esta é a equipe.? Entre os bolivianos, o técnico Nelson Acosta vai tentar evitar as falhas de marcação que permitiram à Argentina chegar ao empate no fim do jogo.

Agencia Estado,

12 de janeiro de 2004 | 08h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.