Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Peru quer jogar "de igual para igual"

Mesmo jogando em Goiânia, a seleção peruana promete jogar ?de igual para igual? com o Brasil, domingo, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2006. Com 13 pontos, o Peru está em 8º lugar na competição, enquanto os brasileiros são os vice-líderes, com 20, atrás apenas da Argentina.?Temos que ganhar do Brasil?, avisou o principal atacante da seleção peruana, Claudio Pizarro, que joga no Bayern de Munique, da Alemanha. ?É um adversário difícil, mas somos onze contra onze?, afirmou o zagueiro Wálter Vílchez, que atua no futebol argentino.Apesar pelo respeito pelos jogadores brasileiros, os peruanos acreditam que podem surpreender em Goiânia. ?O Brasil é muito difícil por suas figuras individuais, mas jogaremos de igual para igual?, confirmou o meio-campista Juan Cominges, outro que joga na Argentina.Sob o comando do técnico brasileiro Paulo Autuori, a seleção peruana começou a treinar nesta segunda-feira em Lima. Um dos desfalques deve ser o atacante Paolo Guerrero, que defende o Bayern de Munique e se recupera de contusão. No primeiro turno das Eliminatórias, em Quito, Peru e Brasil empataram por 1 a 1, em novembro de 2003.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.