Peru: Uribe convoca filho para seleção

O técnico Julio César Uribe foi duramente criticado hoje pela imprensa peruana por convocar o seu filho - Edson - para a seleção que vai disputar a Copa América - entre 11 e 29 de julho na Colômbia. O jornal ?La República? ironiza a opção do treinador. ?Pai e filho voltam a se juntar na seleção?, escreve o jornal, lembrando que Uribe já havia chamado Edson para a seleção Sub-20 que fracassou no Campeonato Sul-Americano do Equador. O jornal Liberación, vai mais longe e pergunta. ?Porque não convocou Luis Cordero, que é muito melhor que seu herdeiro??. Segundo o jornal, o filho de Uribe atua num time de médio porte ?para baixo? (Deportivo Maldonado) do Uruguai e sequer consegue se manter como titular.A imprensa peruana não criticou apenas o ?nepostismo? de Uribe. Para a maioria dos jornalistas, a seleção ?está cheia de volantes e poucos atacantes?. Na lista divulgada hoje, o treinador relacionou dois goleiros, sete defensores, 11 meio-campistas e apenas três atacantes.O técnico foi questionado ainda por deixar de fora jogadores como Solano (Newcastle da Inglaterra), Olivares (Panathinaikos, da Grécia) e José Soto (Alianza de Lima), além dos atacantes Andrés Mendoza, Maestri e Lobatón.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.