Baptistão
Baptistão

Pesquisa Estadão elege os melhores da temporada 2020

Campeão, o Flamengo teve três indicações, seguido por Palmeiras e Inter, com duas cada

Ciro Campos, O Estado de S.Paulo

27 de fevereiro de 2021 | 15h00

Realizada desde 1978, a tradicional Pesquisa Estadão sobre os destaques do ano acompanhou as mudanças que marcaram a temporada atípica de 2020. Em uma rara exceção, o levantamento realizado com jornalistas de vários Estados do País não foi realizado em dezembro, como de costume, e foi transferido para fevereiro. Os mais de 60 votantes puderam montar a seleção ideal do futebol brasileiro.

O bicampeão nacional Flamengo foi quem dominou novamente a formação ideal entre os destaques da temporada. Se em 2019 o time carioca chegou a colocar nove nomes entre os 11 do time, desta vez foram três. Inter e Palmeiras, com dois jogadores cada um, também ganharam espaço na lista.

Weverton

O goleiro do Palmeiras não deu chances para os concorrentes. Ao receber 85% dos votos, Weverton recebeu o reconhecimento pela temporada excelente vivida no clube. No ano passado, ele também foi o ganhador na posição.

Fagner

Mesmo sem o Corinthians ter feito um ano brilhante, o lateral-direito mostrou regularidade e venceu a eleição ao receber 40% dos votos.

Cuesta

O zagueiro argentino do Inter recebeu 24% dos votos, um reconhecimento às atuações regulares de quem comandou a melhor defesa do campeonato, com apenas 35 gols sofridos.

Gómez

O paraguaio é um dos líderes do Palmeiras dentro de campo. Com 37% da preferência, vive a retribuição da temporada segura e de maturidade de quem é capitão também da seleção do seu país.

Guilherme Arana

O lateral-esquerdo voltou do futebol espanhol para fazer uma temporada muito segura no Atlético-MG. Levou 43% da preferência dos votantes.

Gerson

Enquanto tem o nome pedido na seleção brasileira, o volante do Flamengo se mantém entre os melhores do País. Lembrado por 26% dos votantes, o jogador igualou o feito do ano passado, quando também foi lembrado na pesquisa.

Edenílson

O jogador do Inter foi um dos destaques do vice-campeão brasileiro. Com 29% dos votos, recebeu o reconhecimento das atuações decisivas de quem ajudou bastante na defesa e fez ainda seis gols na temporada.

Arrascaeta

O uruguaio do Flamengo foi outro nome que esteve na seleção dos melhores do futebol brasileiro. O meia foi lembrado por 25% do júri após mais um ano em alto nível.

Claudinho

O Red Bull Bragantino reagiu na temporada graças aos gols do jogador. Favorito de 23% dos votantes, Claudinho terminou a temporada como artilheiro do Brasileirão.

Gabigol

O atacante do Flamengo mais uma vez conseguiu se manter em altíssimo nível. Recebeu 20% dos votos e terminou mais uma vez a temporada como campeão brasileiro.

Marinho

Com 37% da preferência dos votantes, o atacante do Santos foi lembrado graças principalmente aos 24 gols na temporada e às ótimas atuações que teve na Libertadores.

Vice-campeão com o Inter, Abel Braga ganha entre os técnicos

O treinador preferido dos votantes foi o comandante do vice-campeão brasileiro, Abel Braga. Apontado por 34% dos jornalistas que votaram, o técnico do Inter superou até mesmo na preferência o campeão brasileiro pelo Flamengo, Rogério Ceni. Abel chegou ao Inter com o campeonato em andamento para substituir o argentino Eduardo Coudet. Sob comando dele, a equipe gaúcha conseguiu nove vitórias consecutivas e chegou a liderar a competição até a antepenúltima rodada, quando foi superada pelo Flamengo. Aos 67 anos, Abel tem no currículo a conquista de um Campeonato Brasileiro, o de 2012, quando comandou o Fluminense.

Claudinho é escolhido como a revelação

Aos 24 anos, o atacante Claudinho foi escolhido por 53% dos votantes na pesquisa do Estadão como a grande revelação da temporada 2020 do futebol brasileiro. O jogador do Red Bull Bragantino marcou 18 gols no Brasileirão e terminou como um dos artilheiros da competição juntamente com Luciano, do São Paulo. As grandes atuações agora até fazem Claudinho ser cotado até mesmo para ganhar chance na seleção brasileira. A expectativa pode se concretizar nas próximas convocações. No próximos dias o técnico Tite divulga mais uma lista para a disputa das partidas das Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar-2022 contra Colômbia e Argentina.

VAR ganha apoio da imprensa esportiva

Apesar das polêmicas em campo entre jogadores, dirigentes e árbitros, o recurso do árbitro de vídeo (VAR) é quase unanimidade entre a imprensa de todo o País. Dos jornalistas consultados, 89% defendem a manutenção do recursos para esclarecer lances e somente 11% se dizem contrários à tecnologia. A temporada do Campeonato Brasileiro ficou marcada especialmente pelo jogo entre Vasco e Inter, quando um gol de Rodrigo Dourado foi marcado justamente no momento em que o aparelho estava descalibrado. Mesmo com alguns problemas e críticas, a CBF garante que vai continuar utilizando o VAR pelos próximos anos.

Quem votou:

Adalberto Leister Filho - CNN Brasil; Ademir Quintino - Rádio Energia 97 FM; Adonis Alonso - Blog do Adonis;Alex Fogaça - RedeTV!; Alexandre Carauta - Veja Rio; Alexandre Guariglia - Lance!; André Amaral - Globoesporte.com; André Galvão Fernandes - SBT; André Vieira - Metro Jornal; Andreza Galdeano - Estadão; Arnaud Pierre Courtadon - Diário do Litoral; Bruno Diniz - TV Globo; Bruno Ferreira - Jornal O DIA; Bruno Marinho - O Globo; Bruno Moreira - O Liberal; Cauê Dias - TV Globo; Camila Leonel - A Crítica; Celso Unzelte - ESPN Brasil / TV Cultura; Cesar Ferreira Filho - Rede TV!; Ciro Campos - Estadão; Danilo Meira - TV Câmara SP; Dérek Bittencourt - Diário do Grande ABC; Eduardo Gabardo  Rádio Gaúcha; Eugenio Goussinsky - Portal R7; Elcio Mendonça - RedeTV!; Fabio Serodio - Futebol em Rede; Felipe Rosa Mendes - Estadão; Felippe Scozzafave - R7; Fernando Faria- Jornal O DIA; Fernando Henrique Ahuvia - Triple Comunicação; Fernando Murad - Meio & Mensagem; Glauco de Pierri - Estadão; Gonçalo Junior - Estadão; João Prata - Estadão; José Godoy - Rádio CBN/SporTV; Julio Filho - Gazeta do Povo; Leonardo Dahi - Rádio CBN; Leonardo Oliveira - Zero Hora e Rádio Gaúcha; Leandro Silveira - Estadão; Luís Filipe Santos - Estadão; Márcio Bernardes - Rádio Transamérica; Marcio Dolzan - Estadão; Marcio Torvano - Rádio 105 FM; Marcius Azevedo - Estadão; Marco Bello - Rádio Transamérica; Matheus Capanema - TV Globo; Mauricio Costa - TV Brasil; Maurício Oliveira - TV Globo; Osires Nadal - Rádio Clube FM 94.1; Paulo Favero - Estadão; Rafael Aguiar de Campos - TV Bandeirantes; Ricardo Capriotti - Rádio Bandeirantes; Ricardo Zanei - ESPN Brasil; Rodolfo Rodrigues - UOL Esporte; Rodrigo Alonso - O Liberal; Sergio Neto - Estadão; Sérgio Rizzo - O Globo; Raphael Ramos - Estadão; Raul Vitor - Estadão; Roberta Scherer - TV Bandeirantes; Rogério Chiaroti - Zafira; Rogerio Micheletti - TV Bandeirantes; Ronald Lincoln Jr. - TV Globo; Ricardo Magatti - Estadão; Toni Assis - Repórter free-lancer.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.