Petkovic pode continuar no Flamengo

O presidente do Flamengo, Edmundo Santos Silva, mudou nesta terça-feira o discurso contra o meia Petkovic e disse que, se o atleta aceitar uma redução do valor de seu salário e direitos de imagem, ele terá chances de permanecer no elenco. Na segunda-feira, ele havia dito que o sérvio não vestiria mais a camisa do clube. O dirigente disse ainda que o volante Vampeta manifestou o desejo de sair do Rubro-Negro. O meia Juninho Paulista negou que tenha exigido o uso da camisa 10 para assinar contrato e disse não querer criar polêmica com Petkovic, que vinha usando a tradicional camisa. Durante sua apresentação, Juninho havia dito que gostaria de jogar com a camisa que pertenceu a seu ídolo, Zico. A delegação rubro-negra viajou nesta terça-feira para a cidade de Paraíba do Sul, no Vale do Paraíba, onde realiza sua pré-temporada até o dia 17. No total, viajaram 25 jogadores e, apesar de estar relacionado, Vampeta ainda não se representou ao clube. Edílson e Petkovic não foram relacionados pelo técnico Carlos Alberto Torres. Mercosul - A Confederação Sul-Americana divulgou nesta terça-feira que o árbitro para a segunda partida da final da Copa Mercosul entre Flamengo e San Lorenzo, no dia 24, às 22 horas, em Buenos Aires, será o colombiano Oscar Ruiz. Ele já apitou a primeira partida, no Maracanã, em que os dois times empataram por 0 a 0.

Agencia Estado,

08 de janeiro de 2002 | 19h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.