PF deve convocar Gimenes esta semana

A Polícia Federal deve convocar ainda esta semana o advogado de Piracicaba, Daniel Gimenes. Ele é acusado de ter integrado, pelo menos no início da operação, a quadrilha que manipulava jogos de futebol e que já tem como indiciados os árbitros Edilson Pereira de Carvalho e Paulo José Danelon, além do desempregado Vanderlei Pololi e do empresário e coordenador do esquema, Nagib Fayad.O advogado que defende Daniel, José Silvestre da Silva, teria cogitado a hipótese de entrar com habeas corpus preventivo para evitar a prisão temporária de seu cliente ? o que já ocorreu com Nagib, Edilson Pereira e Vanderlei Pololi, o único que se mantém preso na custódia da PF.Daniel foi citado diversas vezes nas conversas telefônicas grampeadas este ano pela PF. Foi citado ainda por Nagib, Edilson e Danelon em seus depoimentos. O último, aliás, afirmou que Daniel insistiu para que ele entrasse para o grupo, oferencendo-lhe inclusive um empréstimo de R$ 7.500 para pagar dívidas.O advogado piracicabano era citado nos documentos do inquérito apenas pelo primeiro nome, mas foi descoberto e entrevistado pelo Agência Estado na semana passada. Supreso, afirmou à reportagem que conhecia Danelon e Nagib, porém não faria parte de nenhum ato ilícito. Daniel já esteve duas vezes na PF de Piracicaba e aguarda apenas ser chamado para prestar esclarecimentos em São Paulo.

Agencia Estado,

05 de outubro de 2005 | 20h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.