Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Philippe Coutinho prova para Dunga que pode ser substituto de Oscar

'É uma satisfação, muita alegria fazer meu primeiro gol', diz o meia

Raphael Ramos, O Estado de S. Paulo

08 de junho de 2015 | 07h29

Philippe Coutinho aproveitou muito bem a chance que teve de mostrar a Dunga que pode ser o substituto de Oscar, machucado, no meio de campo da seleção brasileira. O meia do Liverpool foi um dos destaques da vitória por 2 a 0 sobre o México, domingo, no Allianz Parque, não só pelo belo gol que marcou, mas também por participar das principais jogadas de ataque da equipe.

"É uma satisfação, muita alegria fazer meu primeiro gol (pela seleção). O trabalho continua e a gente tem de continuar jogando bem. Foi um jogo muito importante para a nossa preparação e temos que manter a pegada", disse Coutinho.

Philippe Coutinho jogou à frente dos volantes, com liberdade para se movimentar pelas beiradas do campo. Foi em uma jogada de profundidade pela esquerda que saiu o seu gol, aos 27 minutos do primeiro tempo. "Joguei na mesma posição em que estou acostumado a atuar no Liverpool. Fiquei à vontade dentro do jogo, o grupo jogou bem e isso fez com que cada um pudesse ganhar mais confiança", afirmou.

No lance do gol, inclusive, o meia mostrou talento ao dar um belo drible de corpo no seu marcador e chutar cruzado, praticamente sem ângulo. "Joguei bastante futsal e procuro trazer o que aprendi na quadra para o campo. Recebi em um espaço curto, imaginei que o goleiro iria cair esperando o passe e a bola entrou", explicou.

Como Oscar está machucado e, por isso, nem foi convocado para a Copa América, Philippe Coutinho disputa vaga com Douglas Costa e Éverton Ribeiro. Hoje, o meia do Liverpool está à frente dos seus concorrentes. Após receber elogios de Dunga, ele deve ser mantido no time para a partida contra Honduras, quarta-feira, em Porto Alegre.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.