Picerni deixa o comando do São Caetano

Jair Picerni não é mais o técnico do São Caetano. Ele deixou o cargo nesta terça-feira, por divergências com a diretoria. Em crise, o clube do ABC paulista corre risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro - está em 16º lugar, com 44 pontos. Ainda não há substituto definido.Técnico mais vitorioso da história do São Caetano, Picerni tinha voltado recentemente ao clube - antes, Estevam Soares e Levir Culpi comandaram o time no Brasileirão. Como a equipe estava mal no campeonato, ele já queria começar a reformulação para a próxima temporada, mas a diretoria não aceitou, o que acabou causando sua saída.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.