Pintado é o novo treinador do Guaratinguetá

Poucas horas depois de anunciar a saída de Paulo Campos, a diretoria do Guaratinguetá definiu quem será o novo treinador para a sequência do Campeonato Brasileiro da Série B. Na final da tarde desta segunda-feira, o clube acertou com Pintado, que estava sem trabalhar desde que deixou o Linense após o Paulistão.

AE, Agência Estado

18 Junho 2012 | 20h24

A apresentação oficial será na tarde desta terça-feira, quando ele já iniciará os trabalhos visando sua estreia, na sexta-feira, contra o Avaí, às 21 horas, no Estádio Dario Rodrigues Leite, pela sétima rodada.

"Vi quase todos os jogos do Guará e o time precisa de alguns ajustes, que eu quero fazer o mais rápido possível. É um time que está lutando, que é guerreiro e por isso aceitei esse desafio, porque acredito que o time pode reagir na competição. Os três próximos jogos - Avaí, Goiás e São Caetano - serão contra adversários que estão lá em cima da tabela, mas precisamos vencer para reagir", comentou o novo treinador.

Aos 46 anos, Pintado iniciou a carreira de treinador na Internacional de Limeira e acumula passagens por muitos clubes brasileiros, como Rio Branco, Noroeste, Paraná, Ituano, São Caetano, Náutico, Figueirense, Mirassol, Ponte Preta, Santo André e por último Linense.

Após a derrota para o Bragantino, por 1 a 0, no último final de semana, o Guaratinguetá estacionou nos três pontos e é o penúltimo colocado, na frente apenas do Grêmio Barueri. Pintado será o terceiro treinador do clube na Série B, que já havia sido comandado por Octávio do Valle e Paulo Campos. Com apenas três pontos, o time é o penúltimo colocado, só a frente do Grêmio Barueri, com dois pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.