Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Pintado tem bom começo no comando da Inter

Passadas três rodadas, a Internacional de Limeira desponta como uma grande surpresa no Campeonato Paulista da Série A2. Com um elenco simples e formado por jogadores pouco conhecidos, o técnico Pintado, estreante na carreira de treinador, consegue vencer as primeiras dificuldades e parece preparado para trilhar o difícil caminho do acesso à Primeira Divisão.É uma missão muito complicada para quem ano passado foi rebaixado com a pior campanha dentro da Série A1. Neste final de semana, a Internacional venceu o São Bento por 2 a 0, em Sorocaba. O resultado garantiu o sétimo ponto e liderança isolada no Grupo 2. "Contamos com um elenco consciente das dificuldades que temos e que ainda vamos encontrar na Segunda Divisão. Todos têm brigado pelas vitórias, demonstrado muita vontade e determinação", explica Pintado, bicampeão mundial interclubes pelo São Paulo (1992 e 1993).O desafio de assumir um clube recém rebaixado da Série A1 não assustou o jovem treinador. "Estudei muito a proposta da Internacional e a aceitei porque iria poder trabalhar com tranqüilidade. A tradição pesou muito na hora da escolha e, com certeza, vou trabalhar para recolocá-la na elite", diz, em tom otimista.Pintado também não teme pela situação financeira do clube, que há menos de uma semana perdeu a empresa parceira - a RI Sports Brasil. "A nossa única preocupação é a de conquistar o acesso no Paulista. Como profissionais, pensamos em receber nosso salário em dia, mas também estamos de olho no futuro. Um bom resultado hoje poderá nos garantir no futuro", avisa.Time - O atacante Brener, com passagem pelo Vasco da Gama, Guarani e Avaí-SC, está entre os destaques apontados pelo treinador. "Ele é um jogador diferenciado e sua presença é fundamental", declara. Mas o sonho de voltar à Primeira Divisão ainda está muito longe de se tornar realidade. O time vai disputar mais 11 rodadas para ficar entre os quatro primeiros colocados do grupo.Depois lutará para ser o campeão de seu novo grupo formado por quatro clubes, para então decidir o título. Só o campeão voltará à elite em 2005.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.