Cesar Greco/Palmeiras
Cesar Greco/Palmeiras

Piquerez testa negativo para covid-19 e viaja para reforçar Palmeiras no Mundial de Clubes

Uruguaio acompanhará goleiro Mateus, do time sub-20, para integrar a delegação do clube em Abu Dabi

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de fevereiro de 2022 | 14h12

O lateral Piquerez irá reforçar o Palmeiras no Mundial de Clubes da Fifa. O jogador uruguaio testou negativo para covid-19 e será reintegrado ao elenco alviverde em Abu Dabi. Piquerez viaja neste sábado para os Emirados Árabes Unidos, junto com o goleiro Mateus, do time sub-20, que será o substituto de Vinícius Silvestre.

Antes da partida contra o Água Santa pelo Campeonato Paulista, na última terça-feira, Piquerez e Gabriel Veron testaram positivo para covid-19 e entraram em isolamento desde então. Veron, por sua vez, ainda não foi liberado para viajar. O Palmeiras tem até este domingo para informar a lista de 23 inscritos no torneio.

Mateus ganha vaga na lista de relacionados após Vinícius Silvestre, que está nos Emirados Árabes Unidos, testar positivo para covid-19. O goleiro está em isolamento desde sua chegada ao país.

Tanto Piquerez quanto Mateus terão que passar por novos procedimentos quando desembarcarem no aeroporto de Abu Dabi, fazendo um exame que terá o resultado informado no mesmo dia.

O elenco do Palmeiras, que já está em Abu Dabi, treinou por mais de duas horas na manhã deste sábado sob comando de Abel Ferreira. O treinador trabalhou situações de jogo pensando nos possíveis adversários da semifinal. As atividades incluíram posicionamento, simulações de jogo em campo reduzido e trabalhos específicos nos setores ofensivo e defensivo. Ao fim do treinamento, os atletas também praticaram cobranças de falta.

Dudu, que jogou o Mundial de 2020 pelo Al-Duhail, do Catar, projetou o próximo confronto pela semifinal e reforçou a importância do tempo de preparação feito pelo clube paulista para esta partida. O adversário do Palmeiras será o vencedor do jogo entre Al-Ahly e Monterrey. 

“Sabemos a importância desta semifinal, temos de estar bastante focados no primeiro jogo. No ano passado, o clube estava com um desgaste grande, muitos jogos, acabou a Libertadores no sábado e o time já viajou na terça-feira para o Mundial. Nem deu tempo de fazer a adaptação com o fuso horário praticamente, e neste ano tivemos tempo. Isso não garante que ganharemos, mas estamos concentrados para, se Deus quiser, chegarmos à final”, disse Dudu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.