Pitbull vai para a reserva no Santos

Contratado com a missão de fazer os gols que o Santos precisava no Campeonato Brasileiro após as saídas de David e Robinho, o atacante Claudio Pitbull não conseguiu confirmar a expectativa e amanhã terá de amargar o banco de reservas no clássico contra o São Paulo, no Morumbi. O técnico Nelsinho Baptista confirmou após o treino desta sexta-feira que o ataque do Santos amanhã à noite será formado por Basílio e Geílson. Luizão ? que será julgado nesta sexta-feira pelo STJD ? não poderá jogar já que terá que cumprir suspensão automática pela expulsão contra o Corinthians. Nelsinho explicou que, com Basílio e Geílson, a equipe deverá ter maior posse de bola no ataque, considerado um dos pontos fracos do time na avaliação do treinador. ?Eles tiveram uma movimentação boa e uma maior posse de bola no ataque. Essa maior posse de bola fez com que a gente não desse contra-ataques?, disse o técnico.O técnico gostou da movimentação do time. ?A equipe funcionou bem pelas laterais, tanto com o Kléber e com o Paulo César. Além disso, tivemos mais viradas de jogo, que é muito importante dentro de campo?.

Agencia Estado,

21 de outubro de 2005 | 11h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.