Planalto prepara lista que acompanhará Lula em Zurique

Como o avião presidencial tem 16 assentos, existe a possibilidade de que uma 2.ª aeronave seja utilizada

Leonencio Nossa, do Estadão,

23 Outubro 2007 | 20h52

O Palácio do Planalto prepara a lista do seleto grupo que viajará no avião presidencial na próxima semana para Zurique, onde terça-feira a Fifa anuncia o país-sede da Copa do Mundo de 2014. Como é quase certo que o Brasil, candidato único, será escolhido para organizar o torneio, a disputa por uma vaga no Airbus 320 é acirrada, segundo assessores do governo. Como o avião presidencial conta com apenas 16 assentos para convidados - fora as cadeiras da área exclusiva do presidente -, o cerimonial do Planalto avalia a possibilidade de deslocar uma segunda aeronave para acomodar parlamentares que querem integrar a comitiva do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O maior desafio do cerimonial é acomodar os governadores de Estados que pretendem sediar jogos da Copa. Até o início da noite o palácio não tinha confirmado se os governadores viajariam com o presidente. 18 governadores receberam representantes da Fifa e anunciaram planos para realizar jogos da Copa do Mundo em seus Estados.  Independentemente de integrar a comitiva de Lula, muitos governadores já manifestaram intenção de participar da cerimônia de terça-feira. Devem estar em Zurique os governadores de São Paulo, José Serra (PSDB), de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), do Distrito Federal, José Roberto Arruda (DEM), do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), do Ceará, Cid Gomes (PSB), e da Bahia, Jacques Wagner (PT). Como Lula estará na segunda-feira em Camaçari e de lá partirá para a Suíça, Wagner é a presença mais certa na lista dos que viajarão no Air Bus.

Mais conteúdo sobre:
LulaCopa 2014Fifa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.