Wilton Junior/ Estadão Conteúdo
Wilton Junior/ Estadão Conteúdo

PM prende dez pessoas com credenciais falsas da final da Libertadores

Polícia carioca levou grupo à delegacia; não houve venda de ingressos para a partida

Caio Sartori, O Estado de S.Paulo

30 de janeiro de 2021 | 19h21

A Polícia Militar do Rio levou para a 18ª DP (Praça da Bandeira) dez pessoas que estariam com credenciais falsas para tentar assistir à final da Libertadores, que ocorre no Maracanã neste sábado. Palmeiras e Santos disputaram a partida, que conta com a presença de cerca de 5 mil convidados - por causa da pandemia, não houve venda de ingressos. 

Em nota, a corporação informou que uma equipe do Batalhão de Policiamento em Estádios (Bepe) realizava um bloqueio na esquina das ruas São Francisco Xavier e Isidro de Figueiredo quando abordou as pessoas. Diante da suspeita de que os convites eram falsos, os torcedores foram encaminhados à delegacia. 

Nas horas anteriores ao jogo, palmeirenses e santistas movimentaram o entorno do estádio, mesmo sem poder entrar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.