Podolski deve desfalcar o Arsenal por até dez semanas

O técnico Arsène Wenger disse nesta quinta-feira que o atacante Lukas Podolski vai desfalcar o Arsenal por até dez semanas por causa de uma lesão, três vezes mais do que a previsão inicial, feita após o alemão se contundir na vitória pro 2 a 0 sobre o Fenerbahçe, na terça-feira, que garantiu o time na fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa.

AE-AP, Agência Estado

29 de agosto de 2013 | 10h06

Depois do duelo, Wenger declarou que Podolski só iria ficar até três semanas afastado por causa da contusão no tendão da perna esquerda. "Há uma má notícia sobre Lukas Podolski. Ele ficará fora de oito a dez semanas. Seu tendão está muito mais lesionado do que pensávamos no início", disse.

Assim, além de ficar fora do Arsenal por até dois meses e meio, Podolski também vai desfalcar a seleção da Alemanha nos jogos de setembro e outubro das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2014.

Em compensação, Wenger destacou que Aaron Ramsey e Jack Wilshere, que preocupavam por causa de pancadas recebidas no duelo com o Fenerbahçe, estão aptos para o clássico de domingo contra o Tottenham, válido pelo Campeonato Ingles.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolArsenalPodolski

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.