Werther Santana/Estadão
Werther Santana/Estadão

Polícia encontra faca usada contra palmeirense em pia de borracharia

Crime aconteceu a cerca de 2km do Allianz Parque após o clássico entre Palmeiras e Corinthians

O Estado de S.Paulo

13 de julho de 2017 | 12h01

O boletim de ocorrência com informações do caso de esfaqueamento de um torcedor do Palmeiras na madrugada desta quinta-feira, 13, registra que a possível arma do crime foi encontrada em uma pia de borracharia pelos policiais. De acordo com o B.O., a faca estava "aparentemente recém-lavada".

O torcedor Leandro de Paula não resistiu aos ferimentos no abdômen e morreu na manhã desta quinta na Santa Casa de São Paulo, onde foi atendido em estado grave. O crime aconteceu a cerca de 2km do Allianz Parque, na Avenida General Olímpio da Silveira, após o clássico entre Palmeiras e Corinthians.

De acordo com o B.O., a polícia foi acionada pouco antes das 0h15 para verificar uma briga de torcidas rivais. Ao chegarem no local, as autoridades encontraram homens com barra de ferro e faca. O boletim registra que os homens soltaram os objetos quando ao avistarem a viatura.

"Ao serem questionados, disseram que estavam se defendendo de torcedores palmeirenses", registra a polícia. "Os policiais fizeram diligências e conseguiram localizar a faca aparentemente recém-lavada em cima da pia de uma borracharia."

O mecânico Anderson da Cruz Andrade, de 24 anos, foi levado para o 91º DP, na Vila Leopoldina, com outros três homens, mas apenas ele foi indiciado e continua preso. Anderson foi reconhecido por duas testemunhas como reponsável por esfaquear o torcedor palmeirense.

O caso foi registrado como homicídio qualificado e lesão corporal e está sendo investigado. A possível arma do crime e a barra de ferro foram apreendidas e a polícia solicitou perícia no local.

Tudo o que sabemos sobre:
ataque com arma brancafutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.