Polícia investiga manipulação de resultados na Turquia

A polícia turca interrogará 15 pessoas nesta quarta-feira em mais uma investigação sobre armação de resultados no futebol. Dirigentes e jogadores de clubes da primeira divisão do Campeonato Turco estão entre os possíveis envolvidos.

AE-AP, Agencia Estado

24 de março de 2010 | 11h19

O goleiro do Istanbul Buyuksehir, Kenan Hasagic, assim como o assistente técnico Arif Erdem, serão interrogados. O Sivasspor, que ocupa a zona do rebaixamento na tabela, também está entre os clubes suspeitos. Segundo informou a Federação Turca de Futebol, as investigações começaram em agosto do ano passado.

Este é mais um caso envolvendo manipulação de resultados na Europa. Agentes do crime organizado investigam em Bochum, na Alemanha, mais de 200 partidas suspeitas em pelo menos 11 países, incluindo a Turquia.

Na semana passada, o juiz ucraniano Oleh Orekhov foi banido por manipulação de resultados. Em fevereiro, a Uefa já havia suspendido de maneira definitiva o juiz Novo Panic, da Bósnia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.