Polícia investiga palmeirenses por morte de corintiano em São Paulo

Corpo do homem foi encontrado na tarde desta segunda-feira no Rio Tietê

Denize Guedes, O Estado de S. Paulo

29 de agosto de 2011 | 23h37

SÃO PAULO - O corpo de um homem foi encontrado boiando na tarde desta segunda-feira no Rio Tietê, na altura da ponte da Freguesia do Ó, zona norte. O corintiano Douglas Karin Silva, de 27 anos, morador do Jardim Jussara, na zona oeste, teria sofrido agressões de torcedores do Palmeiras - de acordo com Boletim de Ocorrências registrado no 28.º DP por amigos da vítima.

Vestido com camisa cinza e bermuda listrada de preto e amarelo, o jardineiro Douglas saiu de casa no sábado para assistir lutas do UFC Rio, na quadra da Gaviões da Fiel, segundo o BO. Estava na companhia de dois amigos, um deles apelidado de Gordo (não há informação de quais roupas vestiam). Após a luta, eles teriam se deparado com um grupo de 30 a 40 torcedores palmeirenses na Praça Professor Cesarino Júnior, na Casa Verde, zona norte. Os amigos conseguiram escapar do cerco, mas Douglas não.

Preocupados com seu desaparecimento, parentes e amigos teriam passado a procurar informações na internet e, então, encontrado comentários de palmeirenses em blogs que "um gambá havia sido jogado no Tietê".

Ainda segundo o BO, os parentes e amigos passaram a procurar pelo corpo no rio e, ao localizar, na tarde desta segunda, avisaram a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros. O Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa assumiu a investigação.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansPalmeirasfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.