Polícia paulista se prepara para domingo

Mesmo sem nenhum jogo de risco no fim de semana, vai haver reforço de segurança nas estações da CPTM e no Metrô para impedir conflitos caso torcedores de times rivais se encontrem a caminho dos estádios. No próximo domingo, serão dois jogos em São Paulo e outro em São Caetano do Sul, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro, e os responsáveis pela segurança da cidade estão em alerta.Corinthians e Vasco se enfrentam no Pacaembu às 16 horas. E São Paulo e São Caetano jogam no estádio Anacleto Campanella, no ABC, às 18 horas. O que preocupa são os pontos em que as torcidas podem se encontrar ao longo do caminho dos estádios. Há preocupação até no caso de a torcida rodear estádio com portões fechados: também no domingo, no Palestra Itália, o Santos enfrenta o Cruzeiro, às 16 horas - como o time santista foi punido pelo STJD, não haverá público nesse jogo.O Metrô informou que vai reforçar o quadro de segurança em algumas estações estratégicas. O número de 120 agentes ? que trabalham em dias comuns ? deve aumentar para 250 no domingo.A CPTM vai entrar no esquema de segurança no fim de semana, por conta do jogo que será disputado em São Caetano. O número de agentes não será muito maior do que os que trabalham diariamente nas estações ? de 350 passará para 380. O reforço será para cobrir as principais estações de embarque e desembarque das torcidas.Segundo o coronel Luís Serpa, do 2º Batalhão de Choque, a Polícia Militar manterá a escolta padrão para todos os times que jogam no fim de semana. Ele afirmou que esses jogos não são muito preocupantes, mas mesmo assim será mantido o alerta para evitar qualquer problema.Medida de investigação na internet também está sendo efetuada, desde que ocorreu a confusão na Estação Tatuapé, com a morte de um palmeirense. Sites de torcidas organizadas, salas de bate-papo e páginas no orkut são rigorosamente rastreados para identificar algum indício de encontro marcado entre torcedores rivais.

Agencia Estado,

26 de outubro de 2005 | 18h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.