Alessandro Garofalo/Reuters
Alessandro Garofalo/Reuters

Polícia prende dois torcedores do Milan por violência

Um dos presos aparece em vídeos arrancando uma cadeira da arquibancada e arremessando-a na torcida adversária

AE-AP, Agência Estado

27 de agosto de 2013 | 16h17

MILÃO - Dois torcedores do Milan foram presos por terem participado em brigas com apoiadores do Verona após a derrota por 2 a 1, fora de casa, no último sábado, na rodada de abertura do Campeonato Italiano. A polícia explicou que os torcedores tinham aproximadamente 20 anos, e disse que utilizou imagens de vídeo do estádio para identificá-los.

Uma das pessoas presas aparece arrancando uma cadeira da arquibancada para em seguida arremessá-la por cima da barreira que o separava da torcida do Verona. Já o outro torcedor utiliza o seu cinto como um chicote.

Nesta terça-feira, o Verona foi multado em US$ 53 mil (aproximadamente R$ 127 mil) por um juiz da liga italiana por causa dos confrontos, além do lançamento de foguetes em direção ao campo. Já o Milan foi multado em US$ 7 mil (R$ 17 mil) em razão dos incidentes.

O Verona ficou afastado por 11 anos da primeira divisão italiana e começou bem o seu retorno à elite com o triunfo, definido pelo atacante Luca Toni, autor de dois gols na partida.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato ItalianoMilanVerona

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.