Ponte busca a segunda vitória seguida

Com a disposição de voltar a ficar entre os primeiros colocados do Campeonato Brasileiro, a Ponte Preta quer aproveitar a chance de enfrentar o Paraná, neste sábado, às 16 horas, no Estádio Moisés Lucarelli, para conseguir outra vitória. Seria a segunda consecutiva sob o comando do técnico Estevam Soares, que fala em ?desafogo? para exigir de seus jogadores os três pontos. A Ponte tem 37 pontos, na nona posição, e o Paraná, com um ponto a mais, é o sétimo colocado, mas vem de três derrotas consecutivas - para São Paulo, Juventude e Palmeiras. Apesar da situação complicada do adversário, Estevam Soares não quer dar refresco aos visitantes. ?Nosso time perdeu muitos pontos e, agora, precisa recuperá-los em casa. Não podemos deixar escapar esta oportunidade?, explicou o técnico, se referindo à série de oito derrotas consecutivas e ao jejum de nove jogos sem vencer interrompidos, justamente, na última rodada quando o time campineiro venceu em casa o Fortaleza. Com relação ao time, persiste uma dúvida no meio de campo. O experiente volante Romeu e o meia Rafael Ueta disputam a vaga deixada pelo volante Carlinhos, vetado pelo departamento médico com dores na virilha. Esta mudança pode significar uma sensível mudança no esquema 4-5-1 adotado desde o início da competição pelo ex-técnico Vadão. Na defesa, Preto ganhou a confiança do técnico e Thiago Matias, que voltou de suspensão, será opção no banco de reservas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.