Ponte confia no retrospecto em casa

Depois de ser goleada pelo Goiás na última rodada, por 5 a 0, a Ponte Preta tenta reagir no Campeonato Brasileiro. E, para motivar os jogadores, o técnico Nenê Santana usa o retrospecto do time nos jogos em Campinas, local do confronto de domingo, contra o Atlético-MG. Nos últimos seis jogos no estádio Moisés Lucarelli, a Ponte Preta venceu todos. A primeira vitória da série aconteceu justamente contra o rival Guarani, por 3 a 1. Depois disso, vieram vitórias sobre Flamengo, Vitória, Fluminense, Grêmio e Vasco. A última derrota aconteceu no dia 7 de julho, quando levou de 4 a 0 para o Santos. Para a partida contra o Atlético-MG, Nenê poderá contar com o retorno de cinco importantes jogadores: Alexandre, Luiz Carlos, Romeu, Júlio César e Weldon. Todos eles voltam após cumprirem suspensão automática. Em compensação, o volante Marcus Vinícius está suspenso e não joga. Por enquanto, o técnico não confirmou o substituto, mas o meia Vânder tem boas possibilidades de ocupar a vaga.

Agencia Estado,

25 Agosto 2004 | 17h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.