Ponte contrata Caíco, a 3ª opção

O meia Caíco é o novo reforço da Ponte Preta para a disputa do Torneio Rio-São Paulo. O jogador se apresentou na manhã desta sexta-feira e já iniciou os testes físicos, devendo fazer sua estréia somente no dia 24 de fevereiro, quando a Ponte enfrenta o São Paulo, no Morumbi. Caíco é o último jogador a chegar ao estádio Moisés Lucarelli. O seu empréstimo vai até 31 de dezembro. Ele era a terceira opção do técnico Oswaldo Alvarez, o Vadão. A intenção era trazer Hernani, da Portuguesa de Desportos, mas Candinho vetou sua saída. Com a negativa Lusa, a diretoria concentrou forças em Paulo Isidoro, do Cruzeiro, mas o alto salário pedido pelo jogador inviabilizou as negociações."Acho que vim para o clube certo e na hora certa", disse Caíco, que tinha proposta também do Goiás. Mas ele optou pela Ponte que disputa o Rio-São Paulo e outras competições nacionais importantes como Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.Com 27 anos, Caíco já rodou por vários clubes. Depois de iniciar sua carreira no Internacional, de Porto Alegre, passou por Verdy Kawasaki, do Japão, Flamengo, Santos, Atlético-PR e Atlético-MG. Em 2001 defendeu o Lugano, da Suíça, clube onde também jogou o zagueiro André Cruz, atualmente no Sporting, de Portugal. "É um jogador que tem qualidade e que vai ajudar bastante a Ponte Preta", resumiu o técnico Vadão.Enquanto Caíco faz exames físicos, a Ponte segue se preparando para enfrentar o Botafogo-RJ, domingo, no Majestoso, na briga pela liderança do Rio-São Paulo. A Ponte tem 10 pontos, um a menos que o adversário. Para este jogo, o treinador deverá fazer duas mudanças. O lateral-direito Rodrigo Chagas faz sua estréia, entrando no lugar de Carlos Alexandre. Já Adrianinho deve ficar com a vaga de Humberto, que não vem rendendo o esperado pela comissão técnica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.