Ponte contrata Estevam Soares

Depois de muita conversa, a diretoria da Ponte Preta chegou a um acordo para o retorno do técnico Estevam Soares. Ele vai se apresentar nesta sexta-feira cedo no Majestoso e já vai comandar os treinos para a partida contra o Atlético-MG, no próximo domingo, em Belo Horizonte, pela segunda rodada do returno do Campeonato Brasileiro. Junto com ele chegam os auxiliares Gerson Sodré e José Roberto Portella. A missão do novo comandante é recuperar o time, que liderou a competição por oito rodadas sob o comando de Vadão, agora no Verdy Tokyo, do Japão. Zetti comandou o time por quatro vezes e perdeu todas. Na última quarta-feira, sob o comando do interino Nenê Santana, a Ponte perdeu para o Atlético-PR, por 2 a 0, no Majestoso. A Ponte é a nona colocada no Campeonato Brasileiro com 33 pontos ganhos. A sua diretoria continua atrás de reforços depois da série de seis derrotas consecutivas. Dois nomes estão quase certos: o zagueiro Preto, ex-Santos e que estava emprestado ao Guara ni, e o centroavante Rodrigão, do Santo André. O meia Douglas, do Criciúma, e o atacante Vinícius, do Sport, também estão nos planos. CARREIRA - Esta é a terceira passagem de Estevam Soares pelo clube. A primeira aconteceu em 2000, quando ele dirigiu o time no Campeonato Paulista. A segunda foi em 2004, quando levou a Ponte ao primeiro lugar do Paulista no início da competição. Depois ele deixou o clube por uma proposta melhor do Palmeiras. Estevam tem uma carreira longa como treinador. Ele começou no Primavera de Indaiatuba em 1993, depois rodou o Nordeste onde dirigiu o ABC-RN, CSA, América-RN, Náutico-PE, entre outros. No Estado de São Paulo, além do Primavera, ele trabalhou no Guarani, Internacional de Limeira, Matonense, Palmeiras e São Caetano, seu último clube.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.