Ponte empata com Linense e perde chance de liderar o Grupo B

A Ponte Preta viajou para Lins podendo assumir a liderança provisória do Grupo B, mas encontrou pela frente um gramado muito molhado e que atrapalhou o seu toque de bola. Por isso, o empate por 2 a 2 com o Linense, no Gilberto Siqueira Lopes, o

Estadão Conteúdo

18 de fevereiro de 2015 | 21h44

Gilbertão, acabou sendo considerado um bom resultado pela quinta rodada do Campeonato Paulista.

Sem perder há quatro jogos - duas vitórias e dois empates -, a Ponte está na vice-liderança do Grupo B, com oito pontos. O líder é o Corinthians, que tem nove e dois jogos a menos. Enquanto isso, o Linense é o quarto colocado do Grupo C, com três, e ainda não venceu neste Paulistão. Na classificação geral, o time segue correndo risco de rebaixamento.

O gramado molhado dificultava o toque de bola dos dois times, mas o Linense se adaptou melhor e dominou o primeiro tempo. Logo aos três minutos, William Pottker arriscou de longe e Matheus espalmou com as pontas dos dedos para escanteio. A Ponte abusava dos lançamentos diretos e via o trio de ataque ser anulado pelos zagueiros adversários.

Aos 28 minutos, Wiliam Pottker aproveitou sobra, tirou de dois marcadores e finalizou no ângulo de Matheus, abrindo o placar para os donos da casa, que ainda quase marcaram o segundo com Clebson. No último lance, aos 46, Renato Cajá cobrou escanteio e Bruno Silva cabeceou para deixar tudo igual.

Animada com o empate no fim do primeiro tempo, a Ponte chegou à virada logo aos dois minutos da etapa final. Fábio Santos foi puxado por Adalberto dentro da área e o árbitro assinalou pênalti, convertido com categoria por Renato Cajá.

A alegria, porém, durou pouco. Aos seis, William Pottker passou fácil por Rodrigo Biro e finalizou rasteiro, no cantinho de Matheus. A virada quase aconteceu na sequência, mas a cabeçada de Pottker parou no travessão. Depois, os dois times alteraram a posse de bola, mas sem criar muitos lances de perigo.

Os dois times voltam a campo no próximo domingo, pela sexta rodada. O Linense recebe o XV de Piracicaba, às 19h30, novamente no Gilberto Siqueira Lopes, em Lins. Já a Ponte Preta tem pela frente o São Bernardo, às 18h30, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

FICHA TÉCNICA

LINENSE 2 X 2 PONTE PRETA

LINENSE - Anderson; Bruno Moura, Adalberto, Álvaro e Jhonnatans (Gilsinho); Memo, Moisés, William Pottker e Clebson (Gabriel); Nando e Diego (Birungueta). Técnico - Luciano Quadros.

PONTE PRETA - Matheus; Rodinei, Pablo, Renato Xaves e Rodrigo Biro; Fernando Bob, Bruno Silva (Josimar) e Renato Cajá; Roni (Paulinho), Fábio Santos (Wanderson) e Biro Biro. Técnico - Guto Ferreira.

GOLS - William Pottker, aos 28, e Bruno Silva, aos 46 minutos do primeiro tempo; Renato Cajá, aos dois, e William Pottker, aos seis minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Guilherme Ceretta de Lima.

CARTÕES AMARELOS - Moisés, Adalberto, Gabriel, Gilsinho e William Pottker (Linense); Renato Cajá e Renato Chaves (Ponte Preta).

RENDA - R$ 25.885,00.

PÚBLICO - 1.353 pagantes.

LOCAL - Estádio Gilberto Siqueira Lopes, em Lins (SP).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPaulistãoPonte PretaLinense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.