Ponte estréia para esquecer passado

Depois de um desastroso início de temporada que quase culminou com o rebaixamento à Série A-2 do Campeonato Paulista, a Ponte Preta quer esquecer o passado recente e realizar um bom papel no Campeonato Brasileiro. A estréia acontece neste domingo, às 18h10, contra o atual vice-campeão, o Atlético-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba. Esta partida terá transmissão do Sportv pelo sistema pay-per-view.O retrospecto entre as duas equipes não é nada favorável ao time de Campinas. Em 17 jogos foram cinco vitórias da Ponte, três empates e nove derrotas. No entanto, sob o comando do técnico Osvaldo Alvarez, guarda boas recordações do campo inimigo.A última vitória campineira naquele estádio aconteceu no Brasileiro de 2002 sob o comando dele próprio. Na ocasião, a Ponte não vencia fora de casa há vários meses e neste dia (9 de outubro) o jejum foi quebrado graças ao gol do atacante Macedo, aos 39 minutos do segundo tempo. "Realmente aquele dia foi especial, pois não conseguíamos vencer fora de casa. Esperamos que o fato se repita", comentou o treinador.Vadão confirmou que será mantido o esquema 4-5-1, utilizado nas duas últimas rodadas do Campeonato Paulista. No entanto, uma das peças fundamentais deste esquema, o atacante Roger, irá desfalcar o time no Paraná. Segundo o departamento médico o jogador sentiu fortes dores no joelho direito, por isso ele sequer treinou nos últimos dias.Entretanto, como o próprio atacante já anunciou que recebeu propostas para deixar o clube, os indícios são fortes de que esta contusão não existe. Comenta-se que existam propostas por ele e por isso a diretoria teria determinado por deixá-lo de fora.Para a vaga de Roger, Vadão confirmou o atacante Kahê, emprestado pelo Palmeiras. O volante Éverton sentiu dores musculares e foi poupado dos últimos treinos, mas está escalado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.