Ponte ganha três novos problemas

Mesmo tendo mostrado bom futebol na vitória sobre a Portuguesa por 2 a 1, em jogo-treino realizado nesta sexta-feira, em Barueri, a Ponte Preta contabilizou alguns prejuízos. Três jogadores deixaram o campo machucados, deixando preocupado o técnico Vadão para a estréia do time no Campeonato Brasileiro, dia 11 de agosto, diante do Juventude, em Caxias do Sul. Os contundidos são o meia Hernani, com entorse no tornozelo direito, os atacantes Basílio, com entorse no tornozelo esquerdo, e Lucas, que sentiu uma fisgada na parte posterior da coxa direita. Os três serão avaliados neste sábado pelos médicos do clube. Antes deles, o time já tinha três problemas médicos: o zagueiro Alex e os meias Piá e Caíco. "É um momento ruim para tantas contusões, porque estamos na reta final de preparação", lamentou o técnico Vadão. Ele, porém, gostou da movimentação do time que venceu o jogo-treino, com gols de Hernani e Lucas, enquanto Arílson, de cabeça, marcou para a Lusa. A Ponte fará outro jogo-treino domingo, às 10h00, na estância Santa Filomena, em Jarinu.

Agencia Estado,

02 Agosto 2002 | 18h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.