Ponte joga desfalcada em Caxias

A Ponte Preta inicia a segunda fase da Copa do Brasil contra o Juventude, nesta quarta-feira, às 20h30, em Caxias do Sul, com três desfalques importantes. Sem poder contar com o atacante Washington, que está na seleção brasileira, e o volante Mineiro, expulso contra o Coritiba, o técnico Vadão ganhou um problema de última hora para escalar a equipe: o veterano zagueiro Ronaldão sentiu dores no músculo posterior da coxa esquerda e acabou sendo vetado pelo departamento médico do clube. Para o lugar de Ronaldão, Vadão confirmou a entrada de Alex Oliveira. Nas demais posições, o treinador faz um certo suspense. Na vaga de Mineiro o mais provável é que entre o jovem Luís Carlos. A maior dúvida, entretanto, está no ataque. Sem a presença do artilheiro Washington, Lucas é o preferido, mas Orlando, Adrianinho ou até mesmo Humberto podem ganhar uma chance. "Ainda não defini quem entra nos lugares de Mineiro e Washington. Vamos esperar para ver como joga o Juventude para colocar em campo um time que possa surpreendê-los", explicou Vadão. No Juventude, o técnico Ricardo Gomes comanda o time pela segunda vez. Ele deverá escalar praticamente a mesma formação que venceu o Figueirense-SC por 3 a 2, pela Copa Sul-Minas, no fim de semana. A única mudança deve ser no meio-de-campo. O volante Anderson, ex-Santos, faz sua estréia com a camisa do time gaúcho.

Agencia Estado,

05 Março 2002 | 17h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.