Ponte não muda esquema e tem dúvida

O técnico Vadão, da Ponte Preta, já avisou que não vai mudar o esquema 4-5-1 que vem sendo utilizado desde o final do Campeonato Paulista e tem sido apontado como um dos motivos para o sucesso do time dentro do Campeonato Brasileiro, vice-líder, com 17 pontos. Com a saída do meia Harison, negociado com o União Leiria, de Portugal, o técnico mantém a dúvida entre escalar Gabriel, do time de base, e Evando, vindo do Santos para o jogo contra o Juventude, sábado, em Caxias do Sul (RS). Na verdade os jogadores são de características diferentes, mas já vinham sendo preparados para entrar numa eventual saída do titular. Gabriel é um meia articulador, que ajuda o meio de campo. Evando é um meia atacante, que costuma encostar mais no centroavante. "Os dois estão se esforçando bastante, mas é claro que não será a mesma coisa", diz Vadão. O que o técnico confirmou são as voltas dos zagueiros Rafael Santos e do volante Carlinhos, respectivamente, nas vagas de Thiago Matias e Luciano Santos. "Os dois saíram por cartões, mas são titulares e estão em ritmo forte de jogo", justificou. O time fará um treino tático nesta quinta-feira cedo e à tarde viajará para o Sul.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.