Ponte perde 2 jogadores para o Rio-SP

Começou ruim a última semana de preparação da Ponte Preta antes da estréia no Torneio Rio-São Paulo. O time, que realiza pré-temporada em Jarinu, perdeu nada menos do que dois titulares em menos de um dia: o atacante Macedo e o meia Piá . O primeiro acertou sua ida para o Al-Helal, clube da primeira divisão da Arábia Saudita, onde vai ficar até o final da Copa do Mundo. Já Piá, após seguidas contusões no joelho esquerdo, irá operar os ligamentos nesta quarta-feira, em uma decisão tomada pelo departamento médico. Ele deve desfalcar o time durante, no mínimo, por seis meses. "Ele já estava cansado de seguidas contusões e é necessário operar agora, antes que o joelho se complique mais ainda", disse o médico da Ponte, André Paraíso Forti. Mesmo com a operação, Piá, que foi pretendido pela Inter-RS, não se mostra muito preocupado. "Eu confio no doutor André e só eu sei como estou precisando desta cirurgia", disse o meia, que cansou de reclamar de dores no local. Com os novos problemas que apareceram, o técnico Vadão já começa a armar seu time sem contar com os dois titulares. Pelo meio campo, Adrianinho deve ganhar sua tão esperada chance como titular e no ataque. Em substituição a Macedo, Humberto deve ser aproveitado. "Temos ainda cinco dias antes da estréia, vamos ter tempo para nos armarmos", finalizou Vadão.

Agencia Estado,

15 de janeiro de 2002 | 16h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.