Nelson Perez/Divulgação
Nelson Perez/Divulgação

Ponte Preta contrata Martinuccio e João Vitor para 2016

Meia argentino tenta voltar a atuar após ficar parado em 2015

Estadão Conteúdo

29 de dezembro de 2015 | 13h29

Após perder vários jogadores que foram titulares no Campeonato Brasileiro, a diretoria da Ponte Preta segue à caça de reforços para a temporada 2016. As duas novas contratações que foram acertadas pelo clube são as do meia argentino Martinuccio, de 28 anos, que tem passagens por Cruzeiro, Fluminense e Coritiba, e a do volante João Vitor, do Palmeiras.

O argentino deve desembarcar em Campinas no início de janeiro para fazer exames médicos, assinar contrato e começar a trabalhar. Ele está parado desde o final de 2014. Marcado por uma série de lesões, passou por uma intervenção cirúrgica no meio do ano para retirar as hastes de sustentação da tíbia, que foram colocadas para corrigir uma fratura por stress.

Martinuccio estava tratando por conta própria, já que estava sem contrato com o Fluminense desde julho. Os detalhes do acordo ainda não foram divulgados, mas devido aos recentes problemas físicos, o argentino deve ter reduzido bastante a pedida salarial e assinará um contrato de produtividade.

Revelado pelo Nueva Chicago, da Argentina, Martinuccio se destacou pelo Peñarol, na Copa Libertadores de 2011, levando o time uruguaio ao vice-campeonato. Depois de ter assinado pré-contrato com o Palmeiras, se transferiu para o Fluminense, tendo marcado apenas um gol em 14 jogos.

De lá, foi emprestado para o Villarreal, da Espanha, e posteriormente para o Cruzeiro, onde sofreu a lesão óssea e passou pela cirurgia. Sem o mesmo ritmo dos tempo de Peñarol, ainda passou pelo Coritiba. Sua última partida foi em novembro de 2014, ainda com a camisa do time paranaense.

MAIS UM VOLANTE

Outro que está chegando à Ponte Preta é o volante João Vitor, ex-Palmeiras, que disputou o Brasileirão pelo Figueirense. O meio-campista gostou da proposta feita pelo clube e deve assinar no início de janeiro.

Com direitos econômicos preso ao Deportivo Maldonado, do Uruguai, ele também recebeu uma proposta de renovação contratual do Figueirense. A diretoria do Figueirense também fez uma proposta pelo jogador, mas a oferta campineira foi mais vantajosa e o destino deve ser mesmo a Ponte Preta.

Até o momento, a Ponte Preta anunciou quatro reforços. São eles: o volante Eurico, o lateral-direito Nino Paraíba, ex-Avaí, e os atacantes Rhayner, ex-Vitória, e Hugo Ragelli, do Cruzeiro.

A expectativa é que um "pacotão" de reforços seja anunciado na reapresentação, marcada para o início de janeiro. São esperados no clube, o lateral Rafael Carioca, ex-Paraná, o atacante Wellington Paulista, do Fluminense, o meia Renato, ex-Palmeiras e Joinville, além do meia Martinuccio e do volante João Vitor.

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.