Ponte Preta confirma Wanderley Paiva até fim da Série B

O presidente da Ponte Preta, Sérgio Carnielli, confirmou nesta quinta-feira que o coordenador técnico Wanderley Paiva seguirá interinamente no comando do time até o final do Campeonato Brasileiro da Série B. O mandatário avalia que Paiva faz um bom trabalho e devolveu a confiança ao grupo.

AE, Agencia Estado

22 de outubro de 2009 | 19h25

"Nossa intenção é contratar um treinador que tenha tido um bom desempenho em 2009 para dirigir a Ponte no próximo ano e esta escolha está sendo feita com muita cautela e planejamento", explicou Carnielli.

Paiva assumiu o cargo de treinador da Ponte Preta após a saída de Márcio Bittencourt, no último dia 7, quando o time estava na nona colocação. Até o momento, ele está invicto, com duas vitórias e um empate, e ainda colocou o clube na sétima posição, com 46 pontos.

A notícia ruim desta quinta foi a contusão do meia André. O jogador realizou uma ressonância magnética, que constatou o rompimento do ligamento cruzado anterior do joelho direito do atleta. Ele será submetido a uma cirurgia e ficará de seis a oito meses afastado dos gramados.

Esta foi a segunda lesão de joelho na Ponte Preta nas últimas semanas. O lateral-direito Eduardo Arroz também passou por cirurgia e só voltará a jogar na próxima temporada.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPonte PretaWanderley Paiva

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.