Ponte Preta contrata Júlio Santos e Igor, destaques do Ituano

Ex-Novorizontino, Marcelo Barbarotti assume como gerente executivo do clube

Estadão Conteúdo

27 de março de 2018 | 13h38

A diretoria da Ponte Preta confirmou nesta terça-feira as duas primeiras contratações para a Série B do Campeonato Brasileiro, além de uma pequena reformulação no departamento de futebol. O atacante Júnior Santos e o lateral-direito Igor Vinícius, que disputaram o Campeonato Paulista pelo Ituano, são aguardados no estádio Moisés Lucarelli para fazer exames médicos e assinar contrato. Além disso, Marcelo Barbarotti, ex-Novorizontino, é o novo gerente executivo de futebol, no lugar deixado por Gustavo Bueno há três semanas.

+ Doriva se apresenta na Ponte Preta com 'pedido de desculpas' à torcida

+ Ponte Preta perde para o São Bento, mas vai à final do Troféu do Interior

Júnior Santos foi um dos destaques do Ituano e artilheiro do clube no Paulistão, com quatro gols em onze jogos - contando também o Troféu do Interior. Ele começou a temporada como reserva, mas aos poucos foi ganhando espaço no time. Com 23 anos, começou a carreira profissional em 2017, atuando como companheiro de Fellipe Cardoso, atualmente no time de Campinas, no Osvaldo Cruz que disputou a segunda divisão.

Igor Vinícius, por outro lado, já tem um currículo mais encorpado mesmo com apenas 20 anos. Revelado nas categorias de base do Santos, chegou no Ituano no início deste ano e caiu como uma luva no time, tanto que atuou como titular em 14 jogos. Ficou de fora apenas no empate por 1 a 1 com o Mirassol na oitava rodada, cumprindo suspensão. Ainda balançou as redes duas vezes, uma delas, por coincidência, contra a própria Ponte Preta. Os valores das transações não foram reveladas, mas, em princípio, eles chegam ao clube por empréstimo e com o valor do atestado liberatório estipulados.

Marcelo Barbarotti está confirmado como novo gerente executivo. Ele estava desde 2015 trabalhando no Novorizontino, onde conquistou o acesso para a Série A1, avançou em duas oportunidades para as quartas de final do Estadual e ainda carimbou uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. Ele já trabalhou com o técnico Doriva, que foi apresentado na segunda-feira.

Outra mudança é a promoção de Cláudio Henrique Albuquerque, o Kiko, até então coordenador geral de futebol de base para supervisor de futebol no lugar de Ricardo Almeida, que pediu para se desligar do cargo.

À parte desta movimentação, o técnico interino João Brigatti continua trabalhando para a final do Troféu Interior contra o Mirassol. O primeiro jogo será realizado na quinta-feira em Mirassol. O segundo em Campinas, na segunda-feira, às 20 horas. O campeão vai ser premiado com R$ 360 mil e vai garantir uma vaga na Copa do Brasil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.