Ponte Preta e Botafogo empatam sem gols em Campinas

CAMPINAS - Em uma partida bastante truncada e com poucos lances de perigo, Ponte Preta e Botafogo decepcionaram os torcedores que compareceram ao Estádio Moisés Lucarelli, neste domingo à noite, e ficaram no empate sem gols. O duelo foi válido pela 25.ª rodada do Campeonato Brasileiro e o resultado não foi bom para nenhum dos dois.

O Estado de S. Paulo

16 de setembro de 2012 | 20h50

A Ponte segue sem apresentar boas partidas diante de seus torcedores e aparece na 11.ª colocação, com 33 pontos. Com seis pontos a mais, o time carioca é o sexto colocado e perdeu a chance de encostar no Vasco, que está em quarto lugar, com 43.

O primeiro tempo foi bastante truncado, com ligeira vantagem para os cariocas, que levavam perigo em chutes de fora da área. Nas tentativas de Fellype Gabriel e Jadson, o goleiro Edson Bastos salvou o time campineiro, espalmando para escanteio.

Os donos da casa pouco criavam, o que passou a irritar os torcedores, que quase gritaram gol em chute de Marcinho. A bola passou raspando a trave de Jefferson. Apenas um susto.

Assim como a etapa inicial, o segundo tempo foi bastante equilibrado e sem muitos lances de perigo. O Botafogo tinha mais posse de bola, mas não conseguia finalizar. De outro lado, a Ponte cresceu de produção com a entrada de Nikão.

A melhor chance só aconteceu aos 40 minutos. O zagueiro Ferrón desviou de cabeça para Roger, que dominou e bateu, desequilibrado, com a bola tocando na trave de Jefferson, desperdiçando grande chance. Na sequência, Nikão arriscou e o goleiro botafoguense defendeu. Sinal de que tudo ficaria mesmo igual.

Os dois times voltam a campo no próximo domingo, pela 26.ª rodada. A Ponte Preta tem mais um rival carioca, já que recebe o Vasco, às 16 horas, no Estádio Moisés Lucarelli. No mesmo horário, o Botafogo enfrenta o Corinthians, no Engenhão.

Atualizado às 21:09

PONTE PRETA 0 X 0 BOTAFOGO

PONTE PRETA - Edson Bastos; Tiago Alves, Ferrón e Diego Sacoman (Nikão); Cicinho, Baraka, Renê Júnior, Marcinho (Bruno Sabino) e Uendel; Luan (Gerônimo) e Roger. Técnico - Gilson Kleina.

BOTAFOGO - Jefferson; Lucas, Fábio Ferreira, Dória e Márcio Azevedo (Amaral); Jadson, Gabriel, Lodeiro (Vitor Júnior), Andrezinho e Fellype Gabriel (Cidinho); Rafael Marques. Técnico - Oswaldo de Oliveira.

ÁRBITRO - Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)

CARTÕES AMARELOS - Renê Júnior, Jefferson, Lucas e Gabriel.

RENDA - R$ 65.180,00.

PÚBLICO - 5.922 pagantes.

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.