Fábio Leoni/Ponte Press
Fábio Leoni/Ponte Press

Ponte Preta empata com Oeste e amplia jejum para quatro jogos na Série B

Equipe de Campinas continua na parte de baixo da tabela com empate por 1 a 1

Estadão Conteúdo

02 Junho 2018 | 22h02

A Ponte Preta não conseguiu afastar a má fase na Série B do Campeonato Brasileiro e chegou ao quarto jogo sem vencer ao empatar com o Oeste, por 1 a 1, na noite deste sábado, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pelo encerramento da oitava rodada da competição.

+ Fortaleza homenageia seleção brasileira, mantém 100% em casa e lidera Série B

+ CRB só empata com o Brasil de Pelotas e continua na zona de degola da Série B

O resultado manteve a equipe na parte debaixo da classificação, com apenas oito pontos, em 16.º lugar, um ponto na frente do CRB, que fecha a zona do rebaixamento. O Oeste, por sua vez, segue um pouco acima na classificação, em 13.º, com dez.

Comandado pelo interino João Brigatti e com as entradas de Lucas Mineiro e Felipe Saraiva, a Ponte Preta começou em cima do adversário, tentando pressionar. Roberto apareceu nas costas da marcação para desviar cruzamento da esquerda e errou a meta por pouco, assustando o goleiro Tadeu.

Em seguida, aos 17 minutos, depois de levantamento de Danilo Barcelos, André Castro subiu mais que a marcação e testou forte. A bola passou perto da trave e saiu. O jogo aéreo foi um bom caminho encontrado pelo mandante para furar a defesa adversária. Num desses levantamentos, Reginaldo apareceu entre os marcadores para desviar de cabeça e exigiu boa defesa de Tadeu.

O Oeste não demorou para responder. Após boa troca de passes, Mazinho chutou firme e parou em Ivan. Se na primeira boa chegada do time visitante, o goleiro da Ponte salvou, na hora da pressão, ele acabou falhando e contribuiu para que o time da Grande São Paulo abrisse o placar. Aos 39 minutos, depois de cobrança de escanteio, Leandro Amaro cabeceou, Ivan fez a defesa, mas soltou nos pés de Rodrigo Souza, que chutar o rebote para o fundo das redes.

No segundo tempo, a Ponte voltou com Murilo entre os titulares para tentar mudar o sistema de armação. A troca não surtiu muito efeito, pois o meia ficou isolado do lado esquerdo, tentando ajudar Danilo Barcelos.

Para furar a retranca do Oeste, a Ponte usou o lado direito. Roberto encontrou Igor livre de marcação. Dentro da área, o lateral chutou forte, mas bateu pela rede do lado de fora.

Tocando a bola na frente da área do adversário, sem encontrar espaços, a Ponte Preta resolveu arriscar de fora da área e igualou o marcador aos 19 minutos. Murilo dominou de frente para o gol e bateu forte, vencendo Tadeu. Este foi o primeiro gol da Ponte no Majestoso na Série B.

O gol daria o ânimo necessário para que os campineiros fossem para cima em busca do empate, mas o sistema defensivo do Oeste seguia prevalecendo sobre o ataque pontepretano.

Mesmo assim, os donos da casa seguiam rondando o gol. Roberto acertou a trave depois de cobrança de escanteio após desvio despretensioso. Logo em seguida, numa das poucas vezes que teve liberdade, Júnior Santos chegou na frente da marcação após cruzamento de Danilo Barcelos, mas finalizou desajeitado e mandou para longe. O tempo foi passando e o empate se concretizou.

Os dois times voltam a campo na próxima terça-feira, às 21h30, pela nona rodada completa. A Ponte Preta recebe o Goiás, novamente no Moisés Lucarelli, em Campinas, enquanto o Oeste encara o Brasil de Pelotas, na Arena Barueri.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 1 x 1 OESTE

PONTE PRETA - Ivan; Igor Vinícius, Reginaldo, Léo Santos e Danilo Barcelos; André Castro, Paulinho e Lucas Mineiro (Murilo); Felipe Saraiva (Aaron), Júnior Santos e Roberto. Técnico: João Brigatti (interino).

OESTE - Tadeu; Daniel Borges, Patrick, Leandro Amaro e Conrado; Lídio, Rodrigo Souza, Léo Arthur (Rafael Ratão) e Mazinho; Betinho (Bruno Lopes) e Danielzinho (Léo Castro). Técnico: Roberto Cavalo.

GOLS - Rodrigo Souza, aos 39 minutos do primeiro tempo. Murilo, aos 19 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Dyorgines Jose Padovani de Andrade (ES).

CARTÕES AMARELOS - Paulinho (Ponte Preta); Patrick e Tadeu (Oeste).

RENDA E PÚBLICO - Jogo realizado com portões fechados.

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.