Ponte Preta empata fora de casa e segue na luta pelo G4

A Ponte Preta empatou com o Bragantino por 1 a 1, neste sábado, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, e se manteve firme na briga pelo G-4, o grupo de acesso, do Campeonato Brasileiro da Série B. O jogo foi válido pela 12.ª rodada.

AE, Agencia Estado

18 de julho de 2009 | 18h58

Veja também:

Brasileirão Série B - tabela Classificação | lista Tabela

linkGuarani perde invencibilidade e Atlético-GO é vice-líder

especialSÉRIE B - Leia mais sobre a competição

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Apesar de poucos gols, o jogo ficou marcado pelo alto número de cartões. Ao todo, o árbitro paulista Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza deu seis cartões amarelos e dois vermelhos. Com o resultado, a Ponte Preta chegou aos 21 pontos, seis a menos que o líder Guarani. Já o Bragantino está na 11.ª posição, com 16.

O primeiro tempo foi movimentado. A Ponte Preta, com mais técnica e toque de bola, estava melhor, mas sofreu o primeiro gol. Aos 25 minutos, Léo Jaime foi à linha de fundo e cruzou na medida para Magrão. O atacante ainda abaixou-se e, de cabeça, mandou a bola no canto direito de Gilson.

A Ponte Preta empatou aos 32 minutos, quando Evando ganhou disputa de bola na intermediária e driblou três defensores até chutar e marcar. Um belo gol.

Na segunda etapa, o clima esquentou. Paulinho, do Bragantino, e Pirão, da Ponte Preta, foram expulsos. Sem outras oportunidades, o duelo regional terminou empatado.

Na abertura da 13.ª rodada, na próxima terça-feira, o Bragantino enfrenta o Fortaleza, no Ceará. A Ponte Preta só volta a campo no próximo sábado, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, contra o Figueirense.

BRAGANTINO 1 x 1 PONTE PRETA

Bragantino - Gilvan; Marcelo Godri, Kadu e Carlinhos; Diego Macedo, Juninho, Paulinho, Everton Izidoro (Alan) e Rodrigo Ninja (Da Silva); Léo Jaime e Magrão (Pedro Henrique). Técnico: Marcelo Veiga.

Ponte Preta - Gilson; Edílson, Gum, Dezinho e Vicente; Deda, Pirão, Willian e Fabiano Gadelha (Lins); Evando (Diego Sales) e Danilo Neco (Márcio Mixirica). Técnico: Pintado.

Gols - Magrão, aos 25, e Evando, aos 32 minutos do primeiro tempo.

Cartões amarelos - Carlinhos, Everton Izidoro e Rodrigo Ninja (Bragantino); Vicente, Willian e Dezinho (Ponte Preta).

Cartões vermelhos - Paulinho (Bragantino); Pirão (Ponte Preta).

Árbitro - Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP).

Renda - R$ 16.510,00.

Público - 1.299 pagantes.

Local - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.