Ponte Preta espera fechar com técnico Silas nesta quinta-feira

Se contratado, técnico sofrerá com desconfiança da torcida, já que seus irmãos atuaram pelo rival Guarani

AE, Agência Estado

12 de junho de 2013 | 20h04

CAMPINAS - Ao que tudo indica, a novela envolvendo o novo treinador da Ponte Preta para a sequência do Campeonato Brasileiro está próxima de terminar. Silas é aguardado nesta quinta-feira no Estádio Moisés Lucarelli, quando irá se reunir com os dirigentes e acertar os últimos detalhes.

Silas era aguardado pelo presidente Márcio Della Volpe nesta quarta-feira, mas permaneceu em Recife para tentar receber o valor da multa rescisória do Náutico. Apesar de ainda não ter resolvido a situação, o treinador retornou para Campinas, sua cidade natal, nesta noite.

A Ponte Preta iniciou as conversas com Silas na semana passada, logo depois de demitir Guto Ferreira, e desde então a negociação está se arrastando. Sonho de consumo do presidente de honra Sérgio Canrielli, o treinador enfrentará desconfiança de boa parte dos torcedores porque seus irmãos - Paulo Pereira e Eli Carlos - atuaram no rival Guarani.

A diretoria começa a admitir que pode mesmo negociar alguns jogadores, como o zagueiro Cléber, nos planos do Corinthians, e o atacante William, que entrou nas cogitações do Palmeiras.

Aproveitando a parada do Campeonato Brasileiro para a Copa das Confederações, a Ponte concedeu dez dias de férias para os jogadores, que retornam ao trabalho no dia 20 de junho. Com apenas três pontos, o time esta na zona de rebaixamento, em 18.º lugar.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPonte PretaSilas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.