Marcelo Sadio/Divulgação
Marcelo Sadio/Divulgação

Ponte Preta segura Vasco e reassume a liderança da Série B

Há 11 jogos sem perder, paulistas somam 61 pontos, na primeira posição, com um a mais que o vice Joinville

Estadão Conteúdo

25 de outubro de 2014 | 18h46

A Ponte Preta deu mais um importante passo, na tarde deste sábado, para confirmar seu retorno à elite do futebol brasileiro, um ano após ser rebaixada. Em uma partida tensa, o time de Campinas suportou a pressão do Vasco e segurou o empate, por 1 a 1, em São Januário, no Rio. O duelo foi válido pela 32.ª rodada. Os visitantes não contaram com o técnico Guto Ferreira, que ganhou um repouso médico após sofrer forte tensão e arritmia após a vitória sobre o Avaí, na terça-feira.

O resultado devolveu a liderança à Ponte Preta. Agora, os paulistas somam 61 pontos, na primeira posição, com um a mais que o vice Joinville. Além disso, chegam ao 11.º jogo de invencibilidade, com oito vitórias e três empates. O Vasco, por sua vez, tem 55 pontos, na terceira posição. São cinco pontos a mais que o quinto colocado, o Ceará, primeiro time fora do G-4.

Na primeira etapa, o Vasco foi melhor a maior parte do tempo, mas não conseguiu transformar o domínio em gols. Muito por conta das boas intervenções do goleiro Roberto, que completou 100 jogos pelo time paulista. A melhor chance, contudo, foi dos visitantes. Aos 4 minutos, o atacante Rafael Costa arriscou de fora da área e carimbou o travessão do goleiro Martín Silva.

Na segunda etapa, os dois times marcaram logo no início. Aos 2 minutos, a defesa da Ponte vacilou e o meia Lucas Crispim recebeu sozinho na área para completar. O empate não demorou a sair. Aos 6 minutos, Roni recebeu na esquerda. Ele fintou o marcador e tocou na medida para o artilheiro Rafael Costa completar de primeira.

Após sofrer o empate, os cariocas ainda tentaram pressionar a Ponte, que foi taticamente quase perfeita. Nos minutos finais, os visitantes foram inteligentes para segurar o empate. Melhor fisicamente, apertaram a saída de bola e evitaram a pressão.

Na próxima sexta-feira, às 21h50, o Vasco volta a campo para enfrentar o Paraná, no Estádio Durival de Britto, em Curitiba. A Ponte Preta joga contra o Sampaio Corrêa, no sábado, às 16h20, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

FICHA TÉCNICA:

VASCO 1 X 1 PONTE PRETA

VASCO - Martin Silva; Diego Renan, Rodrigo, Douglas Silva (Luan) e Lorran (Marlon); Guiñazú, Aranda, Dakson e Maxi Rodríguez; Lucas Crispim (Montoya) e Kléber. Técnico: Joel Santana.

PONTE PRETA - Roberto; Rodinei, Tiago Alves, Gilvan e Bryan; Fernando Bob (Adilson Goiano), Juninho e Renato Cajá (Thomás); Cafu, Rafael Costa e Alexandro (Roni). Técnico: Alexandre Faganello (interino).

GOLS - Lucas Crispim, aos 2, e Rafael Costa, aos 6 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Lorran e Kléber (Vasco); Rodinei (Ponte Preta).

RENDA - R$ 238.745,00.

PÚBLICO - 11.209 pagantes (12.896 total).

LOCAL - Estádio de São Januário, no Rio.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascoPonte PretaSérie B

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.